Com tecnologia do Blogger.
Mostrar mensagens com a etiqueta SOJA. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta SOJA. Mostrar todas as mensagens

Jardineira de Soja


O nome assusta de tão boring que é, parece aquela comida pesada que se odiava em criança!
Recordo-me de há uns anos valentes quando comecei a ter contacto com o pessoal vegetariano,  ia almoçar à SPN em Lisboa (na rua que desce para o cais sodré, tinha umas escadas intermináveis quase em caracol e éramos todos olhados de lado por usar roupa larga e ouvir música pesada, bons velhos tempos) e os pratos que havia sempre (pelo menos que me recorde) eram o rancho de soja e a jardineira de soja. O primeiro que comi foi a jardineira e odiei. Deslavada insípida, a soja aborrachada, não gostei mesmo nada e na altura não tinha qualquer ligação com a cozinha, era apenas um normal consumidor. Recordo-me de tirar um pouco do rancho dum amigo e adorar, tinha aquele sabor característico, aquele sabor que interiormente estava a espera, devia ser dos condimentos do chouriço de soja. Cada vez que lá ia comia sempre o rancho quando havia.

Petisco de Soja


Haverá melhor palavra, quando estamos com fome, do que petisco? Só a palavra em si já carrega o factor saliva. Enquanto esperamos pela refeição principal o petisco sacia-nos. Um pequeno aperitivo que nos vai entreter, que nos vai saciar enquanto conversamos, confraternizamos e é nessa altura que temos o pequeno garfo como o nosso melhor companheiro, sim porque isto é para cada um ter o seu garfo e atacar!

Bolonhesa de Soja


O post de hoje é sobre uma das receitas mais famosas no mundo vegetariano.
Quem diz famosa diz por ser a receita que mais facilmente engana um carnivoro e o faz salivar. Famosa porque é das comidas mais fáceis de fazer para quem se está a iniciar no vegetarianismo.
É muito fácil e saborosa, é para todas as bocas.