Com tecnologia do Blogger.
Mostrar mensagens com a etiqueta SNACK. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta SNACK. Mostrar todas as mensagens

LEGUMES GRELHADOS COM MOLHO LIMÃO

Com a tempo a abrir completamente nada faz mais sentido que comidas leves, nutritivas e sem sentimento de culpa. Já nem falo a nível de culpa a nível ético, estamos no Alho Francês, só culpa calórica.
Legumes grelhados parece bem? Claro que sim. Mas mesmo grelhados e já bem saboroso pedem um molho fresco mas que seja envolvente ao mesmo tempo não é?

Bolinhas Energéticas


Pois é, hoje trago-vos um post totalmente diferente aqui no Alho.
Antes de vos explicar a receita, explico o porquê do mesmo, toda a gente sabe que estando fora de casa entre refeições torna-se complicado comer, muitas vezes somos obrigados a comer rápido e a comer mal. Então o ideal é trazer comida de casa, uns snacks mais saudáveis de preferência,  para não cair na tentação de comer porcaria, toda a gente sabe que quando a fome aperta é quando apetece comer mais mal e "porcamente".

A minha mulher costuma andar sempre com barrinhas energéticas ou de cereais, mas quase sempre passo fome na mesma porque não gosto da textura daquilo, muito seco ou emborrachado, dou uma dentada para enganar mas não aprecio de todo aquilo... 
Para combater isso trago-vos aqui as Bolinhas Energéticas do Alho Francês, ricas em nutrientes e muito saciantes, além disso muito mais baratas do que as malditas barras, tudo natural e com uma textura fresca, deliciosa e pouco doce!


Ingredientes para aproximadamente 20 bolinhas:
(duram uma semana em média, 4 por dia, 2 de Manhã e 2 à Tarde)

- 200gr Ameixas Secas sem caroço
- 100ml Água quente
- 4 colheres sopa Farinha  de Alfarroba
- 4 colheres sopa Sementes de Chia
- 2 colheres sopa Amoras Brancas Iswari
- 2 colheres sopa Amêndoa
- 2 colheres sopa Côco Ralado
- 8 colheres chá Super Vegan Protein Iswari
- q.b. Cacau Magro

Modo Preparação:

1- Começo por colocar as ameixas secas sem caroço com a água quente num blender até ficar líquido e homogéneo.
2- Junto ao preparado interior todos os ingredientes secos e envolvo até formar uma pasta espessa (a chia entretanto vai inchar e absorver alguma da humidade extra).
3- Coloco no frigorífico durante umas 2h para ficar mais rijo.
4- Enrolo uma bolinha com as mãos (estilo tamanho de uma cereja) e rodo sobre cacau magro para não ficarem pegajosas.


Principais Nutrientes

Ameixas Secas  - Ricas em Fibras, Vitaminas do complexo B, A e K, além disso é rica em minerais como Mágnésio, Fósforo e Potássio.

Farinha  de Alfarroba - Rica em fibra, quase 20% da sua composição é de apenas fibra, além disso também tem uma grande percentagem de Cálcio, Potássio e Magnésio, contém açucares naturais baixos em calorias e quase não tem gordura (0,5%), ao contrário do cacau, sendo o seu sabor parecido, é um comum substituto.

Sementes de Chia - Rica em Ómega 3 é um excelente antioxidante, além disso contém minerais como Cálcio, Potássio, Zinco, Ferro e Cobre, é rico em fibras solúveis o que ajuda à sensação de saciedade sem grande volume de alimentos.

Amoras Brancas Iswari - São conhecidas como as Rainhas de todas as Amoras, ricas em Vitamina C, (quase 40mg por cada 100g) mas também contém Vitaminas A, K, B e E, também são ricas em Ferro, com quase 2mg por cada 100g.

Super Vegan Protein Iswari -Uma mistura de 3 proteínas vegetais, Cânhamo, Ervilha e Arroz. Tem um elevado teor de Ómega 3, Cálcio, Ferro, Magnésio, Fósforo, Tiamina, Riboflavina e Potássio, para além destas características, a sua principal fonte é a proteína contendo cerca de 130% da dose diária recomendada (3 a 6 colheres de chá por dia).
As proteínas vegetais são mais facilmente digeridas pelo organismo, têm um elevado teor do aminoácido arginina. 


A mulher arranjou estas caixinhas na Tiger e anda com elas na mala para sempre que tivermos fome fora de casa, também dá para fruta, bolos, etc.

Vegan Club Sandwich



Nada mais divertido e desafiante do que transformar clássicos em opções mais verdes neste caso livre de qualquer especismo e mantê-los interessantes e aliciantes. Viciante não é?

Desta vez decidi pegar num clássico americano, que deve ser a sandes mais conhecida no mundo.
A Sandes Club!
Em todo o lugar se encontra à venda. É daqueles casos que quando não sabes o que comer pedes uma Club.

Gaspacho de Morango


Depois da visita ao "senhor dos morangos" aqui na Noruega, tinha de homenagear os morangos com pompa e circustância. Não queria algo óbvio, como ir para uma sobremesa que envolvesse morangos, não é que sejam más, pelo contrário, tenho umas sobremesas preparadas com morangos para vocês que irei lançar futuramente, mas queria usar os morangos no seu esplendor. A sua frescura, as suas propriedades, não queria nenhuma confecção. Queria algo RAW. Já vos disse que mais de 50% da nossa alimentação deveria ser com produtos crus? Um dia destes irei desenvolver.  

MultiChips

Pois é, hoje trago-vos um post muito mas muito simples mas que no entanto não perde a sua beleza. Trago-vos um mix de chips, chips não são só de batata, se bem que neste momento a batata doce está na berra, chips de batata doce aqui, chips de batata doce ali. 
Por chips subentende-se algo crocante, que parte e faz barulho ao partir-se em mil pedaços. 

No entanto é um corte da cozinha clássica, um corte fino de batata.  Têm muito importância em muitos pratos, devido ao acrescentar duma textura diferente, a dar altura a pratos, a dar cor... Um infinito de hipóteses. Este post foi pensado como uma maneira divertida de comer vegetais, a acompanhar uma cerveja, a ver a novela, a ver o futebol, é tão bom ter algo para trincar, até as crianças vão gostar.

Quiche Tripla


Quiche. 
É uma daquelas coisas que é demasiado polivalente para ser verdade, consegue ser comida, ao almoço, lanche, jantar, ceia, consegue até andar numa mala de senhora para ser comida a qualquer momento como um petisco a meio da manhã.

Grão a Grão


Adoro barrar pastas no pão, azeitona, vegetais, etc, o acto de barrar quantidades exageradas, lamber, voltar a barrar, o pão ja humedecido, comer à colherada. Das melhores maneiras, para mim de começar uma refeição, seja principal, seja em petiscos com amigos.
Esta pasta não foge à regra, grão, aquele sabor que te completa a alma, o peso do grão, gosto muito. Esta receita tem como base a receita clássica de Hummus (grão, limão, tahine, alho, azeite) mas com pequenas alterações.

Feijão com Chouriço


Petiscos… Quem me conhece e quem segue o Alho Francês sabe que sou doido por petiscos.
Um dos meus favoritos de sempre é Feijão com Chouriço, tipicamente portugês. Chamo-lhe petisco porquê? Penso que quando fazes algo tão rápido, simples e delicioso só pode ser um petisco. Conjugação de 2/3 ingredientes e acaba-se com um produto final soberbo.

Paté de Legumes


Enjoados das aperitivos do costume? Manteigas, queijos e patés de sardinha? 
Hoje trago-vos uma sugestão de um paté de legumes para barrar no pão, tostas ou onde quiserem, é delicioso de qualquer forma e toda a gente vai adorar e repetir vezes sem conta sem culpas, é baixo em calorias, rico em vitaminas e completamente vegan e saudável.

Pimentos à Mexicana

Cá por casa toda a gente gosta de picante,  influências dos meus pais que nasceram em Angola e passaram lá grande parte da infância, a namorada não suportava picante, mas depois de tanto insistir e não ter opção de escolha, lá se habituou e agora é ela a dizer, "falta picante" e a meter tabasco em tudo.

PITA DE TOFU


Com um Celeiro ao lado, Oeiras Parque, é muito fácil olhar e imaginar o que vai ser o almoço. Tofu fresquinho, pão de pita integral. A vontade era de comer algo rápido, saboroso mas saudável. Esta pita alimenta e aniquila a gula. Tudo com rápidas confecções Qualquer um a pode fazer. Simples e eficaz. É o melhor da vida não é?